Sagrado feminino - Celebração em círculo

O sistema patriarcal de séculos e o materialismo em que temos vivido tem feito com que as mulheres se tenham esquecido de uma verdade fundamental. As mulheres transportam as sementes espirituais da criação. Venham ou não a ser fisicamente mães, a trazer a luz do espírito à matéria, elas contêm no seu corpo a substância sagrada, as sementes espirituais da criação. E neste momento estão a ser chamadas a honrar a luz sagrada da criação. A honrar nelas e na Terra pois cada mulher que desperta integralmente para esta consciência eleva o nível de consciência do planeta.


Em círculo é possível recordar e ativar a ligação antiga, ancestral entre as mulheres. De mãos dadas, pela partilha e escuta sem julgamento, a partir do coração e da alma, escutando as reverberações da voz de cada uma. Séculos de silenciamento que agora estão a chegar ao fim.


Verbalizar e manifestar o que é único e encontrar o que há de comum. Nutrir, apoiar, conter, ver a beleza, ver a dor, deixar que as máscaras caiam, transmutar.


Resgatar a dança, o canto, o tambor, a fogueira e os alimentos partilhados, o aconchego do espaço em prol de uma compreensão profunda de quem somos. Como irmandade que caminha junta neste espaço-tempo ou para além dele. Encontrando a essência do feminino, o néctar sagrado, como fino ouro líquido, honrando as antigas saderdotisas, as mulheres sábias, as ancestrais.


Honrando o corpo e os ciclos e curando as feridas como apenas as mulheres podem curar. Recordar, construir, transformar. Responder ao apelo da nossa alma e estar presentes, iluminando, trazendo luz à sombra em que a Terra tem vivido.


Mãe Terra, fica connosco. Ensina-nos. Protege-nos. Nutre-nos. Empodera-nos.



#sagradofeminino #circulodemulheres #empoderamentofeminino #deusa #maeterra #honrarancestralidade


23 visualizações