Exaust@? Abraça-te à árvore!

Atualizado: Mai 6

Vivemos tempos desafiantes e as pessoas estão um bocado perdidas. Depois desta coisa que sabemos e de que nem quero escrever o nome, nada mais será como antes. Lamento todas as pessoas que perderam entes queridos e todo o sofrimento envolvido. Mas antes desta coisa não era muito fixe.


Num mundo de aparências, materialismo e corrupção as mudanças acontecem a bem ou a mal. Se não paramos e escutamos o que há para escutar é natural que as coisas não aconteçam de acordo com os nossos desejos e ideais.


Muitos estão física e emocionalmente exaustos. 12 horas por dia em empresas no sistema esclavagista do século XXI o sistema vai-se alimentando por quem lhe consagra a vida e o sangue em nome do pagamento das tais contas que todos temos. E vocês perguntam: E quem paga as contas?


Olhem, sobrevivi ao libertar-me do meu emprego na função pública bem pago e de alto estatuto, seja lá isso o que for.


As contas podem reduzir-se se se viverem vidas mais simples e se se compreender que não são precisos tantos sapatos, tanta roupa de marca, tanto show of na passerelle social. Conheci uma professora de ioga que vivia com pouco e me disse que quando precisava de um saco de arroz alguém lho traria. Talvez não partilhes esta visão otimista do mundo que por acaso é também a minha (felizmente para mim) mas vai sentindo....


O mais importante é a tua energia e o teu equilíbrio. Esse é o teu ouro. Protege-o porque estamos a falar da tua energia de vida, da tua vitalidade, sexualidade e por aí fora.


Está atento a essa energia que flui em ti. A natureza, Mãe criadora, Pachamama (chama-me de atrasada como os indígenas, esses selvagens) cuida-te se te abrires a isso e souberes melhor como. Abraça-te às árvores, aprende a ouvi-las. Chamam-te louco? Ok. Sê louco!


#conexãonatureza, #energia, #espiritualidade, #cura



20 visualizações